O Esporte que faz amigos

Esporte da Malha

São Paulo/SP - Brasil
(11) 2909-0110
edgard.martins@superig.com.br

ÁGUA PRETA CONQUISTA TÍTULO INÉDITO DE CAMPEÃO PAULISTA DE MALHA

26-06-2013 23:53

Água Preta conquista título inédito de Campeão Paulista de Malha

 
O time do Água Preta/VWM Transportes de Pindamonhangaba conquistou no último domingo, 10 de novembro de 2012,  o inédito e histórico título de Campeão Paulista de Malha, em decisão realizada em campo neutro, na raia do Baeta Neves, em São Bernardo do Campo.
O adversário foi o Clube de Malha Caucaia, da cidade de Cotia. No dia 28 de setembro, jogando em casa, o Água Preta ganhou as duas partidas (184 x 70 e 186 x 106). No dia 4 de novembro foi a Cotia e perdeu (204 x 194 e 160 x 146), por isso a decisão foi para campo neutro.
Resultados
Na decisão em São Bernardo, o  Água Preta venceu o primeiro jogo atuando com Lucas Ouverney, Sérgio Soares Carlos Antonio Barros “Bill”e o pequeno Luiz Eduardo Soares “Du” de apenas 11 anos.     O adversário começou vencendo, mas os pindenses viraram o jogo numa reação espetacular e ganharam pelo placar de 132 x 44. Os árbitros foram Renato Moreira dos Santos  e Natalino, escalados pela  Federação Paulista de Malha.
Aí veio a segunda partida, onde novamente o Água Preta foi superior em campo derrotando o Caucaia pelo placar de 56 x 26, jogando com Odair Ramalho da Silva, Renato Moreira dos Santos, Ramires Juan e Toni Francisco de melo (depois Tite), e arbitrado por Maurício Domingos e João Antonio de Camargo,  da Federação Paulista.
Também fazem parte da equipe campeã os atletas Bruninho, Dirceu,  Adalmir e até uma mulher, Walquiria, que é esposa do atleta Sérgio Soares
Emoção do presidente e técnico do Água Preta
O presidente e técnico do Água Preta, Dirceu Moreira dos Santos, disse sentir-se emocionado pela importante conquista, “que vem coroar de vez o esporte de Malha de Pindamonhangaba que já ganhou todos os títulos disputados, mas faltava o de Campeão Paulista. Dedico-o à toda minha família, Moreira dos Santos, em especial ao grande José Monteiro,  fundadores do Clube de Malha Água Preta há 40 anos.”
Dirceu disse ainda: “Já fui Campeão Estadual por outros clubes – Baeta Neves e ASSEM – mas nenhuma emoção se compara a este título de agora, por Pindamonhangaba, onde nasci e amo muito. Também já perdi decisões por outras cidades, mas nenhuma tristeza foi maior do que  ter perdido em 2003 para o próprio Baeta Neves, jogando por Pindamonhangaba”. Dirceu joga Malha hás 27 anos e agora está encerrando a carreira com chave de ouro.
Promessa é cumprida ao avô após 13 anos
O presidente da Liga Municipal de Malha e também jogador do Água Preta, Lucas Ouverney, afirmou emocionado: “ Comecei a jogar Malha com oito anos, no Clube de Malha Santa Rita, do meu saudoso avô Gumercindo Nicolau Ouverney, em 1989. Três anos depois ele sofreu um derrame cerebral e ficou sem falar até morrer. Mas em 1999 eu ganhei o título de Campeão Paulista Juvenil, mostrei o troféu para ele que me olhou com olhos cheios de lágrimas, e eu lhe prometi que um dia ainda seria Campeão Paulista da categoria Adulto. Hoje, após 13 anos, consegui cumprir a promessa e tenho certeza que meu avô estava conosco e muito feliz, mesmo já tendo partido para o plano espiritual há 11 anos”.
Lucas agradeceu a todos os atletas, familiares, amigos, patrocinadores, Prefeitura Municipal por meio do Secretario de Esportes Macedo, e a todos que de uma forma ou de outra tiveram participação para esta histórica conquista. “Minha gratidão eterna ao meu avô Gumercindo e meus tios João Paulo Ouverney e José Ouverney, fundadores da Liga Municipal de Malha em 1976 – da qual hoje eu sou o presidente – e que me ensinaram os primeiros arremessos de Malha quando eu ainda era um menino.
Título “bateu na trave” três vezes
Esse título inédito veio coroar um trabalho de muitos anos e estava “engasgado” na garganta dos atletas pindenses: “Em 2003 chegamos à final e perdemos para o Baeta Neves, em 2009 fomos eliminados na semifinal pelo Eco Suzano, e em 2010 perdemos novamente a decisão para o ASSEM de São José dos Campos. Deus sabe o que faz, nunca desistimos e nossa hora estava reservada, e agora fomos campeões jogando no campo do Baeta Neves, que nos tirou o título em 2003”, concluiu Lucas Ouverney.
Campeão Paulista Juvenil
Há duas semanas a seleção de Pindamonhangaba (parceria Liga de Malha/Ferroviária/Sejelp) já havia conquistado o título Paulista na categoria Juvenil, repetindo o feito de 1999. O garoto Du Soares participou do título Juvenil e agora também do título Adulto. Seu irmão Gustavo, de 5 anos de idade, também foi Campeão Juvenil. Eles são filhos de Charlene (jogadora do Água Preta) e Luiz Antonio Soares “Ico”, um dos melhores atletas do Estado, atualmente jogando pelo Baeta Neves da capital paulista. Ico é filho de João Soares “Tortinho”, uma lenda viva do esporte da Malha de Pindamonhangaba e Estado de São Paulo.
Pinda tem atleta mulher
Walquíria Soares, que faz parte do time do Água Preta Campeão Estadual, é uma das poucas atletas de Malha do sexo feminino  do Vale do Paraíba e em todo o Estado. Ela é casada com Sérgio Soares, integrante da equipe campeã, também filho de João Soares “Tortinho”.
Jogos Abertos do Interior
Agora os atletas Lucas, Sergio, Bill, Odair, Du e Emerson partem nesta quarta-feira, dia 14 de novembro, para a conquista de mais um título de campeão, o dos Jogos Abertos do Interior na cidade de Bauru. Vida de atleta não é fácil, precisa mesmo ter muito amor e dedicação pelo que faz...
 
 

 

busy