O Esporte que faz amigos

Esporte da Malha

São Paulo/SP - Brasil
(11) 2909-0110
edgard.martins@superig.com.br

U.F. de Juiz de Fóra/MG - Conhecer o Jogo da Malha

28-10-2014 17:07

21/10/2010

Autor e Coautor(es)
 Adriane Silva Tomaz 
imagem do usuário

JUIZ DE FORA - MG Universidade Federal de Juiz de Fora

 

Agostinho Beethoven Macedo Beghelli Filho

Estrutura Curricular
MODALIDADE / NÍVEL DE ENSINO COMPONENTE CURRICULAR TEMA
Ensino Fundamental Inicial Educação Física Esportes, jogos, lutas e ginásticas
Dados da Aula
O que o aluno poderá aprender com esta aula

a) Conhecer a dinâmica geral do jogo de malha;

b) Conhecer em linhas gerais a origem do jogo de malha;

c) Construir e experimentar possibilidades de adaptação do jogo de malha. 

Duração das atividades
60 min
Conhecimentos prévios trabalhados pelo professor com o aluno

O conceito de esporte e os elementos que caracterizam esta prática social.

Estratégias e recursos da aula

Atividade 1: O que é malha?

Iniciar a aula convidando a turma para aprender um esporte diferente: A Malha. Perguntar se eles já ouviram falar ou se já assistiram na TV, se conhecem alguém que pratica. Em seguida, apresentar os seguintes vídeos:

https://www.youtube.com/watch?v=5aVocyRHkeA  (acesso em 19/06/2010) 

https://www.youtube.com/watch?v=NkvH1l1z58A  (acesso em 19/06/2010) 

Após apreciação dos vídeos, explicar que trata-se de um jogo que pode ser jogado individualmente, em duplas ou quartetos. No caso do jogo em duplas, para jogar, os participantes colocam-se cada um junto ao seu meco, de modo a ficarem lado a lado dois adversários. Os dois primeiros jogadores (adversários) ao iniciarem cada partida, terão cada um, duas malhas que lançarão alternadamente procurando derrubar o meco da outra cabeceira ou deixar a malha o mais próximo possível do mesmo. Sempre que o meco for derrubado serão contabilizados 4 pontos para a respectiva equipe. As malhas que ficarem mais próximas do meco somam 2 pontos cada. Cada jogo termina aos 30 (trinta) pontos e ganha a equipe que primeiro os conseguir atingir.

Para maiores informações sobre o jogo de malha ver: https://www.federacaomalha.com.br/pdf/reg_malha.pdf  (acesso em 19/06/2010).

O professor poderá ao longo da explicação acerca da dinâmica do jogo de malha, ilustrar sua fala coma as imagens abaixo:

MECO E MALHA:  

https://www.mercadao.com.br/images/product/002223_001_G.jpg (acesso em 19/06/2010)

Meco: Pinos de madeira ou material plástico, de 20 cm de altura usados no transcurso de um jogo os quais serão colocados cada um no centro do circulo existente em cada cabeceira do campo, distante um do outro 34,30m.  

Malha: Disco confeccionado em aço de cerca 10,5cm e um peso de aproximado de 600g.

CAMPO DE MALHA:

https://www.jaguariuna.sp.gov.br/sejel/imagens/p_centro_3.jpg (acesso em 19/06/2010).

https://www.w22.com.br/barra/w22eventos_arquivos/JA8fotossite/malhas.jpg  (acesso em 19/06/2010) 

 

Atividade 2: Sobre a origem da malha

Retomando a reflexão de que as práticas corporais em geral, e os esportes em particular, são criados em diferentes momentos históricos e atendendo a algum tipo de interesse e necessidade, o professor deverá destacar que no caso da malha, segundo relatos, sua origem se deu em Portugal já que lá se joga o "Fito" e o jogo da Ferradura, muito parecidos com o jogo de malha que conhecemos hoje. Explicar, ainda, que o jogo de malha, tanto como o de ferraduras, foi trazido para o Brasil por imigrantes portugueses no período colonial. Pode-se destacar, ainda, que em São Paulo, desde 1890, os trabalhadores participavam do jogo de malha como divertimento, terminado o seu dia de trabalho. Usavam peças rudimentares como pedras, ferraduras, pedaços de chapas de ferro, variando de formato e tamanho. Os pinos não tinham o padrão certo, tudo servia. Era considerado um divertimento para as pessoas.

https://catedral.no.sapo.pt/catII-fotos/jogo-malha-1-1.jpg (acesso em 19/06/2010)

 

Atividade 3: Jogando malha de forma adaptada   

Neste momento, o professor destacará que o jogo de malha é bastante popular, já que pode ser praticado por todos os tipos de pessoas e em diversos lugares pela facilidade de se adaptar seus equipamentos e campo de jogo. Convidará então a turma para jogar malha. Para tal, dividi-los em duplas e perguntar: Tendo em vista o espaço que temos e os elementos que são necessários para este jogo, que tipos de adaptações vocês sugerem para que possamos jogar? Ouvir as respostas das crianças e realizar as adaptações. No entanto, para auxiliar o trabalho sugerimos que:  

a) O campo de malha poderá ser traçado no chão com um giz. Um “corredor” comprido com dois círculos marcados em cada extremidade. O tamanho do campo poderá ser adequado às características do espaço físico disponível;

b) Os mecos ou pinos poderão ser feitos com pedaços de cabo de vassoura cortado;

c) As malhas poderão ser confeccionadas utilizando-se duas tampas (metálicas) de latas de leite em pó ou achocolatado, coladas uma na outra com uma fita adesiva e “recheadas” de areia para ficarem mais pesadas.

     

Atenção: O ideal é que havendo espaço físico grande, desenhar no chão vários campos possibilitando, assim, a participação concomitante de várias pessoas.  

Após montagem dos campos o professor poderá definir com a turma as regras que serão utilizadas.

Sugerimos que:

1) Não seja permitido que o jogador invada com o pé a área no momento do lançamento da malha;

2) Que no momento do jogo ninguém atravesse o campo de jogo;

3) Que a pontuação maior seja igual às regras oficiais: 4 para quem derrubar o pino e 2 para aqueles que se aproximarem mais do pino;

4) Que em cada campo de jogo defina-se coletivamente o número de pontos a ser alcançado para se ganhar o jogo.

Recursos Complementares
Avaliação

Faça um registro do que você aprendeu na aula de hoje:  

Nome do esporte:

De onde ele veio:

Como se joga:

Como é o campo de jogo (desenhe):

Quais são os equipamentos necessários:

O que você achou deste esporte: