O Esporte que faz amigos

Esporte da Malha

São Paulo/SP - Brasil
(11) 2909-0110
edgard.martins@superig.com.br

VI TAÇA BRASIL DE MALHA - 1975

30-06-2016 14:02

Foi realizado no mês de novembro de 1975 a VI taça Brasil de Malha.

Com a presença de várias autoridades, entre elas a do Prefeito do Município de Santo André, Sr. Antonio Pezzolo, representantes das Federações de todos os Estados participantes e do Conselho de Assessores da CDB Confederação Brasileira de Desportos, tiveram inicio os jogos da VI Taça Brasil de Malha.

Muita gente presenciou a solenidade de abertura do campeonato que iniciou com os discursos do Prefeito de Santo André, do Presidente da Federação Paulista de Malha e do Presidente do Conselho da CDB, Sr. Moacir de Menezes. 

Com o hasteamento  das Bandeiras ao som do Hino Nacional, deu um colorido á festa de abertura do campeonato, que representou muito para o meio malhístico.

Para Santo André, este acontecimento proporcionou o desenvolvimento do esporte amador em toda comunidade, tanto no surgimento de clubes particulares e de Centros Educacionais, que possibilitam o maior numero  de pessoas praticando  esportes, e muito importante  a realização deste certame para o meio malhístico e para o Esporte amador também na opinião do Prefeito de Santo André, a malha  é um dos esportes amadores que merecem bastante assistência devido  a sua grande aceitação por parte das comunidades.

Após a solenidade de abertura o presidente da Federação Paulista de Malha prestou uma Homenagem ao Prefeito de Santo André, com a entrega de um medalhão e uma flamula da Federação.

                                                             OS  JOGOS

Com o lance simbólico  feito pelo pelo Prefeito de Santo André, teve inicio o primeiro jogo de duplas, entre A.A. Nova América da Guanabara e o C.E. Mauá do Rio de Janeiro. 

A segunda partida foi realizada pelo clube campeão do ano passado, Leopoldina Malha Clube de Minas Gerais e o campeão de Minas deste ano, o Comercial esporte clube. 

Essas  partidas  fazem parte da primeira competição da Taça Brasil e em caráter eliminatório, estando na mesma  condição a segunda competição denominada campeonato Brasileiro de Lance Livre, realizada individualmente. 

                         CLUBE BOM PASTOR

Segundo a maioria dos participantes do campeonato, a maior possibilidade de vitória estava com o clube paulista, o G.R.M.B. BOM PASTOR. 

Segundo eles a adaptação a pista, demora a se realizar, dando vantagem ao clube local, de fazer maior numero de pontos nos jogos que se realiza.

Para o presidente do G.R.M.B. Bom Pastor, Sr. Daniel Tavares, seu clube tem condições  de ganhar o titulo desta VI Taça Brasil para O Estado de São Paulo, pois a equipe esta com bons  jogadores e em condições para enfrentar  as  equipes que vieram participar deste certame, além de estar jogando em seu campo.

                           OS ÁRBITROS

Para esta VI Taça Brasil cada Federação dos Estados participantes, escalou dois árbitros que julgarão os jogos realizados que são: Sr. Joel Grimaldi Vieira Maia, Sr. Pedro Eloy de Sá,Sr. Geraldo Pires do Couto, Sr. Jonas  Baldiotti, Sr. Osvaldo S. de Lima e Sr. José Fracari Jr

 (Texto e foto de Walter Speratti (Cipó)